Câmara Municipal de Porto Alegre / implementará até julho programa de gerenciamento de resíduos.

A Câmara Municipal de Porto Alegre adotará até julho novas práticas para encaminhar seus resíduos. Coletas de resíduos recicláveis, de eletrônicos, de pilhas e baterias, de óleo de fritura e a instalação de uma horta comunitária e de uma composteira são alguns dos pontos que devem ser contemplados no projeto. A meta foi estipulada na manhã desta quinta-feira (22/3) pelo presidente da Câmara, vereador Valter Nagelstein (MDB), durante a primeira reunião do Grupo de Trabalho instituído pela Portaria 211/2018 para tratar do assunto. 

Conforme Nagelstein, a iniciativa partiu do vereador André Carús (MDB), que identificou no Legislativo a ausência de Coleta Seletiva. Alguns setores que separam os recicláveis e os orgânicos não veem efeito prático na ação, pois os resíduos são encaminhados misturados para a Coleta Domiciliar, desestimulando a separação. “A Câmara precisa enfrentar este tema e agir. A gestão adequada dos resíduos é fundamental e integra outras ações em andamento do Legislativo voltadas à sustentabilidade, como a instalação de placas fotovoltaicas para geração de energia solar e o Projeto Papel Zero.” Carús destacou que a discussão deve vir acompanhada de ação e que a iniciativa não deve gerar custos para o Legislativo. Disse que será necessário realizar um trabalho de educação ambiental, envolvendo todos os setores da Casa para que os resíduos não sejam misturados em nenhum etapa da gestão, devendo contar com o apoio da Escola do Legislativo, que integra o GT. “Para isso, além de termos um diagnóstico mais aprofundado, vamos capacitar os funcionários. Queremos que este seja um projeto permanente e não apenas desta gestão. Por isso, a importância de trabalhar a partir de um grupo formado por servidores de carreira, que darão continuidade à ação.” O GT, que será coordenado por André Luis Tovo Rodrigues, da Direção-Geral da Câmara, conta com a participação de 25 representantes de bancadas e setores administrativos do Legislativo e voltará a se reunir na próxima semana.
0