Diane Keaton defende Woody Allen de ter abusado sexualmente da própria filha.

A famosa atriz americana Diane Keaton causou um alvoroço na internet após sair em defesa do cineasta Woody Allen, acusado de ter abusado sexualmente da própria filha adotiva, Dylan Farrow, em 1992. Ela afirma que Woody é um amigo e continua a acreditar em sua inocência. Os depoimentos foram feitos em uma publicação no perfil do Twitter. Conhecida pelos icônicos papéis como Annie Hall (1977) e Manhattan (1979), Diane aproveitou a ocasião e convidou os seguidores na rede social a assistirem uma entrevista com Woody Allen, publicada em 1992 pelo programa “60 minutos”, em que mostra Allen negando ter abusado sexualmente de Dylan quando ela era criança.
0