William Waack é afastado do Jornal da Globo por RACISMO ....

'Coisa de preto' DISSE ELE EM COMENTARIOS FORA DO AR. O jornalista William Waack ganhou as redes sociais nesta quarta-feira (8) com um vídeo em que aparece, no intervalo do Jornal da Globo, dirigindo ofensas racistas a um dos funcionários. No vídeo, Waack está à frente da Casa Branca, nos Estados Unidos, ao lado de um comentarista, quando um carro começa a buzinar na rua. Supostamente, sem saber que era gravado, o jornalista se irrita e começa a xingar.
William Waack é acusado de racismo em vídeo vazado: 'Coisa de preto'
A TV Globo anunciou o afastamento de William Waack na abertura do “Jornal da Globo”, telejornal diário apresentado pelo jornalista, na madrugada desta quinta-feira. Renata Lo Prete, âncora da Globo News e substituta oficial de Waack no noticiário, leu o texto divulgado mais cedo pela emissora, que segue abaixo: “A Globo é visceralmente contra o racismo em todas as suas formas e manifestações. Nenhuma circunstância pode servir de atenuante. Diante disso, a Globo está afastando o apresentador William Waack de suas funções em decorrência do vídeo que passou hoje a circular na internet, até que a situação esteja esclarecida. William Waack é um dos mais respeitados profissionais brasileiros, com um extenso currículo de serviços ao jornalismo. A Globo, a partir de amanhã, iniciará conversas com ele para decidir como se desenrolarão os próximos passos.” Como explica a nota da emissora, o vídeo que se espalhou pelas redes sociais na quarta-feira mostra Waack pouco antes de entrar ao ar de Washington, capital dos Estados Unidos. Ao seu lado está o convidado Paulo Sotero, que falou sobre o caso à reportagem de VEJA. Ao fundo, a Casa Branca. O tema era a eleição do republicano Donald Trump.
0