Os 5 argentinos mortos no ataque de NY foram identificados.

O grupo da cidade de Rosário viajou para Nova York para comemorar 30 anos de formatura / O atentado terrorista em Nova York, nesta terça-feira (31), vitimou fatalmente ao todo oito pessoas, sendo cinco deles, argentinos. De acordo com o Ministério de Relações Exteriores da Argentina, as vítimas teriam entre 45 e 50 anos e faziam parte de um grupo de amigos que estudaram juntos e comemoravam 30 anos da conclusão do curso no Colégio Politécnico da cidade de Rosario. De 
Os 5 argentinos mortos no ataque de NY foram identificados; veja
acordo com o portal G1, eles foram aos EUA para visitar um colega de turma que mora em Nova York, quando um caminhão invadiu uma ciclovia no sul de Manhattan, em um trecho próximo do memorial do World Trade Center, atropelando várias pessoas. Onze pessoas também ficaram feridas. As vítimas foram identificadas pelo Ministério de Relações Exteriores como Hernán Diego Mendoza, Diego Enrique Angelini, Alejandro Damián Pagnucco, Ariel Erlij e Hernán Ferruchi. Além deles, Martín Ludovico está entre os feridos e está internado. O presidente argentino, Maurício Macri, lamentou o ocorrido e disse que se colocou à disposição da família das vítimas. "Voltamos a fazer um apelo pela paz para que esses horrores não se repitam", afirmou no Twitter.
0