Governo relata situação do RS a coordenadores regionais e pede volta às aulas.

O núcleo de secretários da Coordenação de Governo recebeu, na manhã desta segunda-feira (2), as lideranças das Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) para dialogar sobre a situação financeira do Estado e as medidas que estão sendo tomadas para o equilíbrio financeiro e fiscal do Rio Grande do Sul. A reunião teve como objetivo principal comunicar aos coordenadores que o canal de diálogo entre o governo e as escolas se mantém aberto, e também alertar para os riscos ao ano letivo causados pela greve de professores.
Conforme o secretário-chefe da Casa Civil, Fábio Branco, a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) está analisando a liminar concedida pela Justiça impedindo a decisão de corte do ponto de grevistas. “Vamos tentar cassar essa liminar e fazer isso sempre com a verdade”, afirmou Branco.“As informações sobre a real situação financeira do Estado estão sendo distorcidas e, portanto, contamos com o apoio daqueles que trabalham na ponta, os coordenadores de Educação. Não temos solução milagrosa para curto prazo. O que podemos fazer é sentar e dialogar. Estamos pensando nas futuras gerações, para fazer com que o Estado volte a ter protagonismo e mais qualidade no ensino”, acrescentou.
0