Câmara Municipal de Vereadores de Porto Alegre.

Rejeitado projeto que substituía Memorial a Prestes por Museu do Povo Negro /   A Câmara Municipal de Porto Alegre rejeitou na tarde desta quarta-feira (25/10), por 19 votos a 13, o projeto de lei que destinava a área do Memorial Luís Carlos Prestes para o Museu da História e da Cultura do Povo Negro. A proposta foi apresentada pelo vereador Professor Wambert (PROS). Para Wambert, a homenagem a Prestes não se justifica, pois ele foi "um traidor da Pátria" que, ao liderar sua coluna, "saqueou e destruiu diversas propriedades, deixando um rastro de morte e destruição por onde passava".
Movimentação de plenario. Na foto: vereador Cassio Trogildo, presidente da CMPA e lideranças partidárias
O Memorial fica na Avenida Edvaldo Pereira Paiva, junto ao Anfiteatro Pôr-do-Sol e ao Guaíba. "Em Porto Alegre, se encontra, às margens do Lago Guaíba, equipamento público destinado à memória do facínora Luís Carlos Prestes, traidor da pátria e assassino cruel, que atentou contra a ordem democrática e social na tentativa de entregar a nação ao comando de Estado estrangeiro."
0