Prefeitura Municipal de Porto Alegre,RS.

Prefeitura irá analisar reapresentação de projeto do IPTU  / O prefeito de Porto Alegre,Nelson Marchezan Júnior (PSDB), em entrevista no programa Agora, da Rádio Guaíba, lamentou na manhã desta segunda-feira a rejeição por parte da Câmara de Vereadores de Porto Alegre do projeto que previa uma revisão dos valores cobrados no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). O chefe do Executivo prometeu uma análise para determinar quando será possível reapresentar o projeto ao Legislativo municipal. O mandatário criticou a manutenção da atual planta que, segundo ele, tem distorções graves e faz com que alguns cidadãos levem vantagem em relação aos outros.
Marchezan lamentou que a Câmara tenha mantido as distorções nas cobranças do IPTU | Foto: Mauro Schaefer / CP Memória
“Porto Alegre é a capital mais atrasada do Brasil no que se refere aos valores do IPTU. Temos a convicção absoluta de que a forma que o imposto está posto há 26 anos na cidade é uma forma de injustiça social e injustiça tributária. Contribuiu muito para a situação atual. O projeto corrigia essas distorções gritantes e aberrações na tributação municipal. A prefeitura começa a discutir qual o momento jurídico e político de encaminhar novamente o projeto. Não vamos fugir de todos os debates necessários para fazer as mudanças que a cidade tanto precisa em prol da nossa comunidade”, declarou Júnior.
0