Câmara Municipal de Vereadores de Porto Alegre,RS.

Fumproarte acumula quatro anos de dívidas com grupos e artistas /  O gerente do Fundo Municipal de Apoio à Produção Artística e Cultural (Fumproarte) de Porto Alegre, José Miguel Sisto Júnior, informou que o Município não repassa os valores para artistas e grupos de produção cultural beneficiados pelo fundo desde 2013. São quatro anos de dívidas. A declaração ocorreu em reunião da Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece), da Câmara Municipal de Porto Alegre, nesta terça-feira (29/8). Participaram da reunião pelo Legislativo os vereadores Sofia Cavedon (PT), Alvoni Medina (PRB), Prof. Alex Fraga (PSOL), Reginaldo Pujol (DEM) e Tarciso Flecha Negra (PSD), que, como presidente da Cece, coordenou o debate.
Reunião sobre o não repasse de valores do Fumproarte.
Sisto Júnior foi questionado por diversos representantes de entidades ligadas à produção artística dependentes de verbas públicas para tocarem projetos e anunciou que, a partir de setembro, a Secretaria Municipal da Cultura começará a pagar os projetos até R$ 15 mil (2013) e que os de valores superiores a esse montante serão honrados até o final do ano. As dívidas relativas a 2014, 2015 e 2016 devem chegar aos artistas credores até 2018.
0