Jovem vira namorada de aluguel para entender pressão por casamento na China...

A pressão das famílias para que os filhos se casem depressa fez doAno Novo Chinês ou do Festival da Primavera — como também é conhecido entre os locais — um grande negócio paras sites especializados em namoros. Não para encontrar o par perfeito para o resto da vida. Mas sim para ajudar os solitários a driblar o escrutínio de parentes — que esperam ser apresentados aos seus futuros noivos — com namorados de fachada ou de aluguel. O serviço está longe de ser barato, sobretudo nesta época do ano, durante o feriado mais longo do país, talvez o único momento em que as famílias se reúnem completas. Contratado com certa antecedência, pode sair a cerca de R$ 460 por dia — não estão incluídos custos de viagem.
Resultado de imagem para casal japones
Mas a inflação das encomendas de última hora pode levar os preços a sextuplicar. Em um anúncio no maior site de buscas da China, o Baidu, um jovem está atrás de uma companhia feminina só para o jantar em família. Ele oferece o equivalente a R$ 2.770 pela noite. Normalmente, os preços das diárias ficam na faixa de R$ 276. Isso na baixa estação, fora do mês de janeiro, período em que os sites tiram o equivalente às receitas do ano inteiro. De acordo com informações de um jornal chinês, só o site 20py.com, baseado em Hangzhou, tem três milhões de usuários cadastrados.
0