Sem Danilo Fernandes, Inter deve pressionar Cruzeiro no Beira-Rio.

Apertar o adversário, sufocando a saída da bola com os atacantes atuando avançados. Sem Danilo Fernandes lesionado, o Inter treinou desta forma por acreditar, segundo análise de Antônio Carlos Zago, que é a fórmula para bater o Cruzeiro, na noite desta quinta-feira, no Beira-Rio. Se o fizer, larga em vantagem na disputa por uma vaga na semifinal do Campeonato Gaúcho. A segunda partida está marcada para domingo, no estádio Vieirão, em Gravataí.
Sem Danilo Fernandes, Inter quer pressionar Cruzeiro no Beira-Rio | Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação / CP
A inspiração dos colorados vem da própria campanha, tanto na Copa do Brasil quanto na Primeira Liga, competições que utilizam o mesmo regulamento desta fase do Gauchão: mata-matas com valorização dos gols marcados fora de casa. Em ambas, o Inter tem 100% de aproveitamento. “Quando eu jogava, não via a hora de chegar essa fase do campeonato. É um momento diferente para o jogador, que tem sempre uma motivação a mais, até pelo ambiente que se cria ao redor dos jogos”, enfatiza Zago.
0