Proposta da União ajuda, mas dá para avançar, diz Governador Gaúcho,Sartori sobre dívida.

Na terceira reunião deste ano com o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, o governador José Ivo Sartori recebeu a confirmação da proposta da União que prevê carência de 40% do valor da parcela mensal da dívida, pelo período de dois anos, com impedimento de contratação de novos empréstimos por 48 meses. Para o Rio Grande do Sul, isso representaria uma economia R$ 1,250 bilhão ao ano.
O encontro de trabalho iniciou às 17h desta terça-feira (15), no Ministério da Fazenda, e seguiu de forma reservada. Participaram os governadores Geraldo Alckmin (SP), Raimundo Colombo (SC), Rodrigo Rollemberg (DF), Renan Filho (AL), Marconi Perillo (GO), Simão Jatene (PA), Pedro Taques (MT), Ricardo Coutinho (PB), Welington Dias (PI), Tião Viana (AC), Suely Campos (RR), Marcelo Miranda (TO), e os vices-governadores José Oliveira (AM) e Carlos Brandão (MA).
0