Dilma demite 2 indicados do PMDB após partido romper com o governo.

A presidente Dilma Rousseff (PT) exonerou dois indicados pelo PMDB para o executivo nesta quinta-feira (31), dois dias após o partido romper com o governo. O Planalto conta com os cargos da legenda para conseguir conquistar votos contra o impeachment junto a outras, como PP, PSD e PR.
Um dos demitidos é Walter Gomes de Souza, colocado no cargo de diretor-geral do Departamento Nacional de Obras contra a Seca (Denocs) por indicação do pemedebista Henrique Eduardo Alves, que deixou o ministério do Turismo no início da semana - antes mesmo do desembarque oficial do partido, O outro é Rogério Abdalla, que era diretor Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) a pedido da bancada do PMDB do Senado.
0