Argel reconhece evolução do Inter, mas cobra pontaria.

Uma parte dos 13 mil colorados que foram ao Beira-Rio na quarta-feira para assistir a Inter e Coritiba, na estreia pela Primeira Liga, vaiou o time colorado. Eles até foram repreendidos pelo capitão D’Alessandro, que lembrou, com o gesto do dedo estendido, que se tratava apenas do primeiro jogo oficial da temporada. A frustração da torcida, porém, vem mais do resultado empate sem 
gols em casa porque a atuação, principalmente no primeiro tempo, foi sob medida para insuflar esperanças de dias melhores para os colorados. O primeiro a reconhecer a evolução do time, principalmente na comparação com o ano passado, foi Argel Fucks. “Tivemos um pouco mais de tempo para trabalhar.
0