Restante de mandato de Dilma será ruim ou péssimo para 65%, diz Ibope.

As expectativas da população com relação à continuidade do governo da presidente Dilma Rousseff oscilou negativamente de setembro para cá, de acordo com pesquisa realizada pelo Ibope sob encomenda da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Para 65% dos entrevistados, o restante do mandato da presidente será ruim ou péssimo - em setembro eram 63%. A porcentagem dos que esperam que o restante do atual mandato seja ótimo ou bom oscilou de 11% para 9%, enquanto a parcela dos que esperam um governo regular até o fim de 2018 oscilou de 21% para 20%. Não souberam ou não responderam 5%.
A pesquisa mostra um aumento na desaprovação da política do governo no combate ao desemprego. Em setembro, 83% desaprovavam o governo nessa área, hoje são 87%. Também aumentou a desaprovação das políticas do governo no combate à fome e à pobreza (de 68% para 71%), na educação (de 73% para 76%), na segurança pública (de 82% para 85%) e no meio ambiente (de 65% para 74%). De setembro para cá, a taxa de desemprego aumentou e houve o rompimento da barragem da Samarco, considerado o maior desastre ambiental da história do País.
0