Oposição apresenta gravações de negociação de voto entre Jardel e Executivo.

Objetivo seria garantir apoio do deputado do PSD em projetos polêmicos em troca de 10 cargos. Partidos de oposição anunciaram na final da manhã desta segunda-feira na Assembleia Legislativa a existência de gravações que apontariam que o deputado Mario Jardel (PSD) teria negociado seu voto em aprovação de projetos de interesse do Executivo gaúcho em troca de cargos. "Em parte dos áudios transcritos, o Ministério Público (MP) atesta que em tese existia uma negociação do parlamentar com o governo em troca do recebimento de 10 cargos. Em especial, o recebimento de cargos em troca do voto para a redução do teto das RPVS", declarou o líder da bancada do PC do B, deputado Juliano Roso. 
Oposição apresenta gravações de negociação de voto entre Jardel e Executivo | Foto: Marcos Eifler / Agência AL / CP
Ainda segundo Roso, em um dos áudios há a informação que uma das pessoas recebedoras dos cargos não precisaria "nem trabalhar, era só aparecer de vez em quando". Conforme Roso, os áudios foram obtidos após ele solicitar ao MP o procedimento investigatório completo e receber um DVD que contém 1.318 páginas. Em um segundo momento, como parte das transcrições não ficava clara, o parlamentar solicitou os áudios e recebeu quatro DVDs, também já analisados.
0