Convênio entre Governo Gaúcho e Judiciário possibilita reforma do IPF.

Executivo e Judiciário firmaram, na manhã desta sexta-feira (18), convênio para execução de reforma do Instituto Psiquiátrico Forense Maurício Cardoso (IPF). O ato ocorreu no Palácio Piratini. Assinaram o documento o governador José Ivo Sartori, o presidente do Tribunal de Justiça, José Aquino Flores de Camargo, o procurador-geral de Justiça, Marcelo Lemos Dornelles, e o secretário da Segurança Pública, Wantuir Jacini. 
Reforma do IPF
O governador classificou o ato como “simbólico”. “Num período de grandes dificuldades, como o que vivemos, as parcerias são fundamentais para avançar na qualificação dos serviços”, afirmou. Sartori sugeriu a criação de um grupo de trabalho operacional entre Executivo, Judiciário e Ministério Público para acelerar o processo. “Todos juntos podemos encontrar uma forma transparente para que este dinheiro não se perca no tempo e possamos, o quanto antes, devolver a dignidade de quem trabalha e dos pacientes em tratamento no IPF”, disse o governador.
0