Sanandij, no Irã, senta em um trilho em forma de desafio.


Migrante iraniano identificado apenas como Hamid, 34, um engenheiro elétrico oriundo de Sanandij, no Irã, senta em um trilho em forma de desafio para tropas da polícia da Macedônia na fronteira com a Grécia, próximo da cidade grega de Idomeni. Hamid e dezenas de outros migrantes iranianos estão em greve de fome pelo segundo dia. Países europeus passaram a filtrar o fluxo de migrantes, oferecendo passagem a fugitivos de conflitos no Oriente Médio e no Afeganistão, mas vetando outros de África e Ásia.     Yannis Behrakis/Reuters
0