A mãe do soldado israelense Ziv Mizrahi, 18, morto por uma facada.


A mãe do soldado israelense Ziv Mizrahi, 18, morto por uma facada dada por um palestino em um posto de gasolina na Cisjordânia, chora durante seu funeral no cemitério militar Monte Herzl, em Jerusalém, Israel.        Menahem Kahana/AFP
0